aguarde som/imagens



Tic - Tac


( S í l v i a  S c h m i d t )
gif

Um tic-tac é o único ruído
Presente no silêncio desta sala.
Em cada toque alguma ausência fala,
Num triste tom, ao pé do meu ouvido.

O isolamento é-me tão conhecido!
O meu lugar é como escura vala,
Que me observa, que desiste e cala
Ante o deserto por mim escolhido.

Eu não resisto à força da vontade
Que, por amar-me, põe-me esta saudade, Como consolo e mansa companhia.

Esvai-se a noite, silenciosamente,
E o tic-tac diz-me, calmamente:
" Fecha os teus olhos. Já raiou o dia "



gif

S í l v i a  S c h m i d t
03 / 02 / 2005 - 03:46 AM
Direitos Autorais Protegidos
Copyright © 2005



 










Mensagens de Silvia Schmidt

Nossas Poesias

Porão da Humancat
Fala o Internauta



Web designer Ana Amélia Donádio


Site Romantic Home


graphics