aguarde som/imagens

Eu Sou Teu Bem-Te-Vi

( S o l a n g e  R e c h )
gif

Eu sou teu bem-te-vi, querida dama,
Que coloriu teus dias, vida afora.
Chamei-te cedo para ver a aurora,
Mas, preguiçosa, preferiste a cama.

Enquanto dormes, meu estro se inflama,
E mais canto eu se a natureza chora.
Mereces ter, desde a primeira hora,
Um lindo dia, um belo panorama.

Nessas mudanças que o viver decreta,
Deixei a mata, canto nos coretos
E de algum modo sempre te visito.

Já não sou ave, renasci poeta
E, em vez de dobras, só faço sonetos
Para alegrar teu coração bonito.

gif

S o l a n g e  R e c h
Florianópolis/SC - 08 de outubro de 2005
Direitos Autorais Protegidos
Copyright ©2005



Edição Musical : Udo Erwin Franz





Mensagens de Silvia Schmidt

Nossas Poesias

Porão da Humancat


por amor
Sempre que copiar, copie com Amor.
Mantenha o nome do Autor.




Fala o Internauta




O Poeta Solange Rech dedica este soneto a Sílvia Schmidt
em retorno ao soneto BEM-TE-VI