aguarde som/imagens
Príncipe Adormecido
© Silvia Schmidt ©

Entro no teu quarto, príncipe do sonho,
Ponho-me a sonhar com coisas jamais feitas,
Coisas sufocadas, antes não aceitas,
Coisas que descrevo em versos que componho.

Olho-te dormindo, príncipe da vida,
E quero acordar-te para derramar
Em todo o teu corpo todo o meu sonhar
De mulher amante, de mulher perdida.

Temo que acordando, príncipe das luzes,
Tu não reconheças este amor e abuses
Do meu sentimento, deste sonho lindo.

Permanece assim, meu príncipe do sono,
Sem saber o quanto sempre foste dono
Da mulher que sonha enquanto estás dormindo.

jpg
Silvia Schmidt
*Humancat*
No livro " Poesia, Melhor Não Ler "
© 2000 ©









Nossas Poesias

Mensagens de Silvia Schmidt

Porão da Humancat


por amor
Sempre que copiar, copie com Amor :
mantenha o nome do Autor.



Fala o Internauta