aguarde som/imagens
Nossas Bocas
Autora : Silvia Schmidt
gif

Da boca que beijaste febrilmente
Hoje te sobram só lembranças poucas.
Da boca que beijaste mansamente
Hoje só guardas mansas falas roucas.

Da boca de que ouviste tantas frases
Hoje só escutas negação do adeus.
A boca que emitiu juras fugazes,
Hoje só a tens - talvez - nos sonhos teus.

Da boca que eu beijei tão docemente
Hoje só tenho ecos de um só tom.

A boca que beijei avidamente
Hoje só faz-me relembrar o som
Do grito em meu espelho - de repente -
Onde escreveste adeus com meu batom.

gif

Silvia Schmidt
*Humancat*
No Livro " Poesia, Melhor Não Ler "
- direitos autorais reservados -
© 2000 ©







" Não são só os peixes que morrem pela boca "




Mensagens de Silvia Schmidt

Nossas Poesias

Porão da Humancat


por amor
Sempre que copiar, copie com Amor :
mantenha o nome do Autor.


Página elaborada por
Amanda Heuller





Fala o Internauta