aguarde som/imagens

Na Hora de Julgar

S í l v i a  S c h m i d t
gif


Sempre é sábio não julgarmos aquele que
caminha lentamente e cai na estrada,
a menos que já tenhamos calçado os sapatos que
ele calça ou sofrido as angústias que ele sofre.

É possível que ele tenha pregos no sapato,
o que não podemos ver, como também
é possível que as aflições que ele carrega sobre
os ombros o façam cair.

Estejamos atentos para não julgar aquele
que hoje parece tão caído, a menos que
já tenhamos sentido a desgraça que causou
a sua queda ou que tenhamos sentido a vergonha
que só os caídos conhecem.

Nós podemos ser fortes, mas se a desgraça
que é dele nos atingisse do mesmo modo
e ao mesmo tempo, poderíamos cair também.

Estejamos atentos para não sermos cruéis
com aquele que peca nem o ataquemos
com palavras ou pedras, a menos que
tenhamos certeza , absoluta certeza
de que nunca pecamos.

Assim, ouçamos nosso Deus Interior,
que sabiamente nos alerta que se isso
aconteceu com outro por ter cometido erros,
pode acontecer conosco também
pelos erros por nós cometidos.

  
gif

S í l v i a  S c h m i d t
Tradução e Adaptação do texto Do Not Judge
de Ronald Golden Smith
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Copyright ©2000




Edição Musical : Udo Erwin Franz



"Quem nunca houver pecado, atire a primeira pedra"
( Jesus de Nazaré )




Mensagens de Silvia Schmidt

Nossas Poesias

Porão da Humancat
Fala o Internauta


cópia com amor
Sempre que copiar, copie com Amor.
Preserve o nome do Autor.



Página formatada por Ana Amélia Donádio
Site Romantic Home

art&design