imagem-top

H á  d e  S e c a r

S i l v i a  S c h m i d t

gif

Outra manhã molhada e não é chuva!
Pranto abundante que jamais me deixa,
Escrava sou, escrava, sim! A gueixa
Que tu maltratas como pondo à prova!

Seca de vez e pára o pensamento!
Tu não és dono deste alguém que sou!
Busquei o inferno e agora nele estou!
Sou responsável pelo meu tormento!

Quero ficar a sós! Vai-te de mim!
Os olhos secos quero ter p'ra sempre!
Auto-piedade nunca resgatou
O que de outrora escapa do presente!

Vai-te daqui! Não vês o que sobrou?
Deixa que eu morra ou viva novamente!


gif

S i l v i a  S c h m i d t
Direitos Autorais Protegidos
Copyright©2006




Seqüência Musical : Margy Harrel






Mensagens de Silvia Schmidt

Porão da Humancat
Nossas Poesias

copie com amor
Sempre que copiar, copie com Amor.
Preserve o nome do Autor.


Página de Ana Amélia Donádio
Site Romantic Home

art&design